O Arsenal entra em campo amanhã contra o
Standard de Liège no Emirates Stadium de Londres, às 17h45 de
Brasília, de olho na classificação às oitavas da Liga dos Campeões
como líder do grupo H.

Os comandados do técnico francês Arsene Wenger aparecem com dez
pontos, contra seis do Olympiacos, comandado por Zico. O Standard
vem com quatro e ainda sonha com a segunda vaga.

O time de Londres quer um bom resultado para esquecer a derrota
de 1 a 0 em visita ao Sunderland no fim de semana – que deixou a
equipe com 28 pontos e na vice-liderança, oito atrás do Chelsea.

O Arsenal chega para o confronto de amanhã com uma série de
desfalques: Van Persie, Bendtner, Fabianski, Diaby e Djourou. A boa
notícia é a recuperação do jovem lateral-esquerdo Gibbs, que joga na
vaga do francês Clichy.

Os ingleses querem os três pontos para evitar problemas no último
jogo da chave, em visita ao Olympiacos em Atenas, com o time do
treinador brasileiro precisando do resultado para se classificar.

Wenger aposta em jogadores como o atacante mexicano Carlos Vela,
que chegou jovem ao clube e é apontado como uma das revelações. Ele
atuará ao lado do brasileiro naturalizado croata Eduardo da Silva. O
volante Denílson, ex-São Paulo, está confirmado no meio-campo.

Já a equipe belga viajou à capital britânica com muitas
ausências, o que complica ainda mais suas chances de classificação.
Um dos ausentes é o meia brasileiro Igor de Camargo, que defende a
seleção belga.

O sérvio Jovanovic, com problemas em uma das coxas, é dúvida.
Estão descartados Defour e Dufer.

Com apenas quatro pontos, o Standard tem a obrigação matemática
de pontuar no Emirates Stadium para manter as chances de
classificação.

“Será muito complicado, mas tudo pode acontecer no futebol. Se o
Rubin Kazan ganhou no campo do Barcelona, por que não poderíamos
fazer o mesmo na casa do Arsenal?”, questionou o técnico romeno
Laszlo Boloni, do Standard.

Atual campeão belga, o time vai mal na competição desta
temporada: perdeu sábado para o Gante por 2 a 1 e está apenas em
quarto lugar, com 25 pontos – a dez do líder Anderlecht.

O zagueiro Felipe, ex-Coritiba, será titular, assim como o
lateral-direito Marcos, com passagem pelo Internacional.

Sem mais artigos