A Universidade Estadual do Ceará anunciou nesta quarta-feira (16), a anulação de toda a primeira fase do vestibular, uma vez que seis questões incluídas no exame já vinham com a resposta discriminada, através de sinais incluídos na alternativa correta, e outra apareceu em negrito.


 


A denúncia foi feita pelos próprios candidatos, que se surpreenderam com a marcação, e a decisão de cancelar a primeira fase foi tomada após reunião com “representantes do Ministério Público Federal e o Ministério Público Estadual”.


 


Um novo calendário será apresentado, em data ainda não definida, com a realização de nova prova valendo pela primeira etapa do vestibular e, posteriormente, de um segundo exame para “assegurar, de forma objetiva, a estrita observância ao princípio de igualdade entre os candidatos”, segundo nota divulgada pela instituição.




 

Sem mais artigos