O instituto de pesquisas ambientais Blacksmith, de Nova York, costuma publicar estudos listando os principais problemas de poluição no mundo. Poluição da água, do ar, dos rios e cidades mais poluídas, entre outras questões. Abaixo, o Eu Quero Salvar o Planeta separou uma lista com algumas das cidades com os principais problemas de poluição, segundo relatório do instituto, e que provoca doenças de todos os tipos, como câncer e formação defeituosa de fetos.



Linfen, China: segundo o estudo, os habitantes dessa cidade estão intensamente expostos à fumaça da indústria de carvão local, um grave problema que atinge várias outras cidades da China;


 


Ranipet, Índia: a indústria de tecido provocou a contaminação da água com hexacloreto de cromo, uma substância usada para tingir o tecido. A água contaminada pode provovar câncer;


 


Mailuu, Quirguistão: como se não bastasse a região, na Ásia Central, ser um grande depósito de lixo nuclear, a área está sujeita a terremotos, tornando o local uma grande bomba relógio;



Dzerzinsk, Rússia: até o final da Guerra Fria, a cidade (foto) era a principal fabricante de armas químicas do país. O conflito ideológico com os Estados Unidos acabou, mas deixou uma enorme cicatriz ambiental na região;



Rudnaya, Rússia: infelizmente também na Rússia, a contaminação por chumbo no sangue de muitas crianças dessa cidade chega a ser até 20 vezes maior que os níveis internacionalmente aceitos;



Chernobyl, Ucrânia: é mundialmente famoso o acidente nuclear que atingiu a região há mais de 20 anos. Até hoje os efeitos são sentidos na população, sendo o câncer um dos mais graves problemas;



Kabwe, Zâmbia: aqui, os níveis de chumbo encontrados no sangue de crianças são 10 vezes maior que o aceitável. A indústria de mineração é a principal responsável pelo problema;



Cajamarca, Peru: a mineração de ouro, assim como em outras regiões do mundo, contamina rios com mercúrico, um metal altamente prejudicial à saúde. Em junho de 2002, depois de um grande vazamento de mercúrio, os mineradores começaram a recolher o metal com as próprias mãos. Moradores locais também foram contratados para tentar limpar a área, causando um grave problema de saúde pública;


 
O instituto Blacksmith não listou nenhuma cidade brasileira entre as mais poluídas do mundo. No entanto, há dois casos recentes que despertaram a atenção da população pelos graves danos ambientais e de saúde causados.


 


Um é o aterro Mantovani, localizado em Santo Antonio da Posse, uma cidade na região de Campinas, interior paulista. Nos anos 80, uma empresa de refino despejou toneladas de produtos tóxicos que acabaram por seriamente contaminar o solo da região, inclusive com relatos de pessoas que desenvolveram câncer por conta do problema.



Outro famoso caso, também na região de Campinas, foi a contaminação de uma área conhecida como Chácara Recanto dos Pássaros, em Paulínia, cidade onde fica a maior refinadora do País, a Replan. A Shell usou a área para despejar produtos tóxicos, contaminando o solo e provocando problemas de saúde em moradores da região.

Sem mais artigos