Os Estados Unidos anunciaram nesta quarta-feira a criação de um fundo de US$ 3,5 bilhões, junto a outros cinco países, para o financiamento público à recuperação de áreas desmatadas em países em desenvolvimento.

Segundo um comunicado divulgado em Copenhague durante a Cúpula da ONU sobre Mudança Climática, o secretário de Agricultura, Tom Vilsack, disse que os EUA participarão com Austrália, França, Japão, Noruega e Reino Unido no ambicioso projeto, inserido no programa de Redução de Emissões, Desmatamento e Degradação de Florestas (Redd).

O financiamento será destinado a ajudar a facilitar a adoção de medidas imediatas para o programa Redd de 2010 a 2012. Os EUA contribuirão com US$ 1 bilhão.

O anúncio dos EUA foi feito no momento em que as negociações sobre a redução de gases do efeito estufa estão completamente bloqueadas à espera de que os líderes internacionais tomem iniciativas para modelá-las em um acordo juridicamente vinculativo.

Sem mais artigos