O acidente de Nelsinho Piquet pela Renault na prova de Cingapura continua rendendo brigas entre o piloto e Flávio Briatore, chefe da equipe na época. Segundo o jornal inglês “Daily Mail”, a família do brasileiro quer 200 mil libras (R$ 540 mil) de indenização.

“Dado que a Renault não aceitou o pedido dos Piquet para retirar as acusações e se desculpar, eles sentem que não têm outra escolha senão demonstrar a falsidade das alegações no tribunal”, afirmou o advogado da família, Dominic Crossley, em entrevista ao diário.

Durante a prova de Cingapura, Nelsinho Piquet forçou um acidente para favorecer o seu companheiro de escuderia na época, Fernando Alonso, a vencer a corrida. As instruções foram dadas por Flávio Briatore, ex-chefe da escuderia.

Família Piquet processa Flávio Briatore e quer R$ 540 mil de indenização

Sem mais artigos