Jack White, o multihomem do rock de Detroit, partiu em defesa de sua parceira Meg em uma entrevista ao jornal New York Post, elogiando sua capacidade como baterista dos White Stripes.

Sempre criticada por seu estilo simples e não-convencional, Meg tem total apoio do parceiro de dupla. Segundo o vocalista e guitarrista, sua companheira de banda pode não ser muito técnica, mas é capaz de tocar coisas que outros bateristas não conseguem.

“A feminilidade e o extremo minimalismo de Meg são demais para alguns metaleiros e hipsters do contra que não conseguem entendê-la”, comentou White sobre.. er… White. “Ela faz uma coisa que os ‘técnicos’ não conseguem: inspirar as pessoas a baterem em potes e panelas.”

“Por causa dessas qualidades, as pessoas sempre retribuem com fofocas e julgamentos. No final, ela vai rindo até a loja mais próxima de bolsas Prada”, continuou Jack. “Ela sempre vence no final.”

Jack White defende qualidades de Meg White como baterista

Sem mais artigos