Depois do afastamento de Carlos Eugênio Simon, que anulou um gol legítimo de Obina na partida entre Fluminense e Palmeiras no domingo (dia 8), agora a Confederação Brasileira de Futebol confirmou a suspensão do goiano Elmo Cunha.

O árbitro errou no lance que originou o gol de empate do Palmeiras, contra o Sport-PE, nesta quarta-feira. A Comissão de Arbitragem da CBF afirmou que Cunha não apita mais neste Campeonato Brasileiro por causa de uma “falha técnica”.

O lance mencionado diz respeito ao gol de Danilo, o último no empate de 2 a 2. Antes de o zagueiro concluir, o juiz apitou e fez com que os jogadores do Sport-PE desistissem da jogada. O goleiro Magrão sequer tentou defender.

Sem mais artigos