A cantora <b>Lily Allen</b> começou um blog para catalogar as opiniões dos grandes artistas que, assim como a jovem cantora britânica, são contra a livre troca de música através da internet, o <i>It’s Not Allright</i> (“Não Está Tudo Bem”, em português).

No final da última semana, a talentosa vocalista inglesa demonstrou publicamente seu desprezo pelos downloads ilegais de música na rede e disse que a livre troca está matando a música da Terra da Rainha.

“Eu acho que o efeito é danoso, mesmo que alguns artistas ricos e bem sucedidos, como Nick Mason do <b>Pink Floyd</b> e Ed O’Brien do <b>Radiohead</b> não pensem da mesma forma. Na semana passada, esses caras afirmaram em uma entrevista para o Times que compartilhar música ilegalmente é algo bom. Mas a questão é que é bom para eles, que fazem shows esgotados em grandes arenas e têm coleções de ferraris”, afirmou Lily. “Para novos talentos, entretanto, pirataria é um desastre e está fazendo com que fique cada vez mais difícil o surgimento de novos artistas”.

No recém-criado blog de Allen já aparecem as opiniões de nomes do calibre de <b>Gary Barlow, James Blunt, Keane, Matt Bellamy</b> e <b>Bat For Lashes</b>, além do <b>N-Dubz</b> e de <b>Patrick Wolfe</b>, que está a caminho do Brasil para apresentar-se no festival <i>Planeta Terra 2009</i>.

O blog de <b>Lily Allen</b> mostrará sempre a visão dos artistas que vão contra as declarações da <i>Featured Artists Coalision</i>, a organização dos músicos que já manifestaram-se a favor da troca de músicas na web.

À frente da <i>FAC</i> estão, além do <b>Radiohead</b> e de integrantes do <b>Pink Floyd</b>, grandes nomes como <b>Billy Bragg, Annie Lennox</b> e <b>Robbie Williams</b>.

Sem mais artigos