As vendas do comércio registraram aumento de 7,1% em outubro na comparação com o mesmo mês do ano passado, o melhor resultado desde dezembro de 2008, quando a atividade registrou aumento de 7,5%. Na comparação com setembro de 2009, a expansão foi de 1,3%, já com o ajuste sazonal. As informações foram divulgadas nesta quinta-feira (5) pela Serasa Experian.

De acordo com a Serasa, a proximidade do fim do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) reduzido para os produtos da linha branca, que acabou sendo prorrogado até 31 de janeiro para os itens de baixo consumo de energia, foi o principal estímulo para o bom movimento no varejo no mês passado.

Comparativo anual

O setor de veículos, motos e peças registrou avanço de 20,4% na comparação com outubro de 2008. Já o segmento de móveis, eletroeletrônicos e informática teve alta de 12,2% no comparativo anual. Tecidos, vestuário, calçados e acessórios apresentou elevação de 10,6% nesse confronto.

Por outro lado, o segmento de material de construção registrou recuo de 18,2%.

Comparativo mensal

Outubro registrou taxas positivas, ante setembro, no comércio de móveis, eletroeletrônicos e informática (1,1%), supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas (0,4%) e em tecidos, vestuário, calçados e acessórios (0,7%).

No outro extremo, com redução, estão material de construção (-1,9%), combustíveis e lubrificantes (-0,5%) e veículos, motos e peças (-0,9%).

Sem mais artigos