Uma boa e outra má notícia para os fãs brasilienses de música pop: Madonna teria entrado no lugar de Paul McCartney como possível atração principal da festa de 50 anos de Brasília, que será comemorado no dia 21 de abril do ano que vem.

A informação é do jornal Correio Braziliense, que afirmou também que o ex-Beatle foi descartado por já ter dois shows agendados no País também em abril: a ideia do governo do Distrito Federal seria ter uma apresentação exclusiva, que deve ser televisionada para todo o Brasil e para países estrangeiros.

Ainda segundo a publicação, os irlandeses do U2 também teriam sido cotados e descartados. Se Madonna não fechar, o próximo nome na mira é o de Beyoncé. Entre os artistas brasileiros que podem ser escalados para a festança, estão Roberto Carlos e, juntas, as três maiores divas da axé music: Daniela Mercury, Ivete Sangalo e Cláudia Leitte.

O vice-governador do Distrito Federal, Paulo Octávio, garantiu ao jornal que o time nacional a ser escalado incluirá uma dupla sertaneja, duas bandas de pop-rock – uma mais adolescente, outra para o público adulto – e um grupo de forró, além da bateria da escola de samba Beija-Flor.

Sem mais artigos