Na lista de pedidos para o camarim da cantora Mallu Magalhães no festival João Rock, em Ribeirão Preto (interior de São Paulo), realizado no sábado (6) constava uma brincadeira: um havaiano de colar e tudo para lhe servir água de coco.

E seu desejo foi atendido pela produção do evento. Antes de entrar em cena no palco principal do festival, seu camarim foi invadido pelo haviano, vestido a caráter.

Mallu adorou a brincadeira: “Nossa, gente! Eu nunca tive isso”. Ela ainda pediu, toda sem graça,  que o havaiano dançasse hula-hula. Mais um pedido atendido.

O João Rock é o maior festival de um dia do Brasil e recebeu neste ano, além de Mallu, Pitty, Jota Quest, Natiruts, O Rappa, Marcelo D2, Jorge Bem Jor, Ponto de Equilíbrio, Farofa Carioca, Teatro Mágico e Nação Zumbi.

Além das apresentações do palco, houve muita movimentação nos bastidores do local. O grupo Farofa Carioca encontrou com Ponto de Equilíbrio e Nação Zumbi. O pessoal do Teatro Mágico, última banda a ser apresentar, curtia o som de todos dos bastidores.

A cantora Pitty assistiu do palco ao show do Nação Zumbi e conversou com Fernando Anitelli, do Teatro Mágico. Mallu Magalhães foi visitar os músicos do local e também ficou curtindo o som do ambiente.

Mallu Magalhães "ganha" havaiano em camarim do João Rock

Sem mais artigos