Um relatório da União Europeia (UE) publicado hoje (04) indica que a Itália é o país do bloco que menos usa a internet “regularmente”.

“Apenas uma minoria de italianos usa a internet com regularidade, e metade da população nunca abriu uma página da web”, afirma o documento, elaborado pela Comissão Europeia, braço executivo do bloco.

O levantamento aponta que os italianos também estão abaixo da média europeia no uso de conexão de banda larga residencial e os coloca em último lugar em relação a downloads de filmes, músicas e vídeos.

Embora a banda larga tenha se ampliado na Itália nos últimos anos, atingindo 31% das moradias do país, seu alcance está ainda quatro pontos abaixo da média registrada em toda a União Europeia.

Entre os sites mais visitados pelos italianos estão o da rede social Facebook, o do buscador Google e o YouTube.

Em relação a todos os 27 países-membros da UE, o relatório diz que um terço dos cidadãos jamais acessou a internet, um quarto nunca usou um computador e 40% não tem acesso à rede em casa.


Sem mais artigos