Adriano Silva, o Mineirinho, não conseguiu vencer Kelly Slater na decisão da etapa brasileira do WCT na última sexta-feira, mas o brasileiro tem motivos para ficar satisfeito. O americano elogiou o surfista nacional e fez uma “previsão”.

“Quando eu era jovem, o Potter falou: “Eu gosto de você porque vejo um pouco de mim em você”. Eu vejo um pouco de mim no Adriano. Ele é muito competitivo e não surfa só por surfar”, afirmou Kelly Slater.

No começo de sua carreira em 1989, quando tinha apenas 17 anos, Slater recebeu um elogio de Martin Potter, um de seus ídolos, que falou que via um pouco dele no americano quando ele estava em cima de uma prancha na onda.

“Ele é o primeiro brasileiro a estar nesta situação. Ele está sempre ouvindo, prestando atenção no que está acontecendo. Parece que a cada campeonato ele está evoluindo”, completou Slater, nove vezes campeão do WCT.

Sem mais artigos