O tenista escocês Andy Murray venceu o
espanhol Fernando Verdasco por 2 sets a 1, com parciais de 6-4,
6-7(4-7) e 7-6(7-3), e depende do suíço Roger Federer para ficar com
das vagas do grupo A na semi das Finais da ATP, em Londres.

Murray, atual quarto do Ranking da ATP, superou o espanhol,
sétimo da lista, em exatas três horas. Foi a sétima vitória dele em
oito confrontos com Verdasco.

Com dois triunfos e uma derrota, ele torce para que Federer vença
o argentino Juan Martín del Potro na segunda partida do dia na Arena
O2 da capital britânica.

O escocês precisava vencer em sets diretos para se classificar
automaticamente, mas depende do número um do mundo. Caso o
argentino, quinto da lista, saia com a vitória por 2 a 0, ele
avança.

Se o placar for de 2 a 1 e favorável a Del Potro, a vaga será
definida no saldo de games.

Sem mais artigos