Neste domingo (7), Héctor Babenco completa 64 anos. Embora nascido na Argentina, o cineasta adotou o Brasil como seu país há mais de 40 anos, e é conhecido internacionalmente como brasileiro, já que se naturalizou em 1977.

Babenco diz que, desde que veio ao país pela primeira vez, aos 18 anos, sentiu que aqui era o lugar onde gostaria de viver e filmar. Mesmo assim, passou quatro anos na Europa, até que, em 1969, finalmente se estabeleceu em São Paulo.

Seu primeiro filme foi um documentário sobre o piloto Emerson Fittipaldi, em 1973, mas o grande salto em sua carreira aconteceu seis anos depois, com o impacto causado por Pixote: A Lei do Mais Fraco.

Para ver uma galeria com a filmografia do cineasta, clique aqui.

E, no vídeo abaixo, veja Héctor Babenco falando sobre seus diretores favoritos e os que mais o influenciaram.

Sem mais artigos