Até esta quinta-feira (15), o estado do Paraná confirmou, por exame laboratorial e por critérios clínicos, 20.182 casos de influenza A (H1N1) – gripe suína. De acordo com o último levantamento da Secretaria da Saúde, 267 pessoas morreram em consequência da doença.

As mortes ocorreram entre 14 de julho e 13 de outubro. Do total de vítimas, 57% eram mulheres e 43%, homens. Quanto à faixa etária, 60,7% dos mortos tinham entre 20 e 49 anos, 20,2% entre 50 e 59 anos e 9,4% entre 5 e 19 anos.

Curitiba e região mantém a liderança de casos confirmados (7.384) e também de mortes (84), ou seja, 31,5 % do total registrado no estado.

Outros municípios com registros significativos da nova gripe são Pato Branco (1.984), Francisco Beltrão (1.796), Cascavel (1.779) e Cornélio Procópio (1.502). Já as regiões com maior número de óbitos são Cascavel (21), Maringá (19), Foz do Iguaçu (19), Londrina (13), Jacarezinho (13), Campo Mourão (13) e Toledo (12).

O levantamento mostra que dos 20.182 casos confirmados, 698 são de gestantes, o que equivale a 3,4%.

Sem mais artigos