Com 44,03% dos votos, o candidato direitista Sebastián Piñera é o ganhador do primeiro turno das eleições presidenciais do Chile realizadas no domingo (13), segundo a apuração oficial de 98,32% das urnas.

Piñera enfrentará no segundo turno o candidato governista, o ex-presidente Eduardo Frei, que obteve 29,62% dos votos, segundo os dados oficiais da terceira apuração, divulgados pelo subsecretário chileno de Interior, Patrício Rosende.

Em terceiro lugar está o candidato independente Marco Enríquez-Ominami, com 20,12% dos votos, seguido do esquerdista extraparlamentar, Jorge Arrate, com 6,21%.

Se for mantida esta tendência, Sebastián Piñera e Eduardo Frei se enfrentam em uma segunda rodada eleitoral, que será realizada no dia 17 de janeiro.

Os 98,32% dos votos apurados oficialmente correspondem a 4.249.658 eleitores que votaram em 20.595 mesas. Do total, 4.082.429 votos foram considerados válidos.

Sem mais artigos