A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) autorizou o reajuste de até 6,76% para os planos de saúde individuais antigos, firmados antes da entrada em vigor da Lei nº 9.656/98.

O reajuste vai atingir 632.403 beneficiários das seguintes operadores: Amil Assistência Médica Internacional e Golden Cross e das seguradoras Bradesco Saúde, Sul América Companhia de Seguro Saúde e Itauseg Saúde. Esse número atinge cerca de 1,2% do total da saúde suplementar, de 52,6 milhões.

De acordo com a ANS, o beneficiário pode esclarecer dúvidas por meio da Central de Relacionamento (0800 701 9656) ou pelo site da agência (www.ans.gov.br).

Sem mais artigos