O presidente da Uefa, Michel Platini, disse hoje, em Bilbao, que um dos objetivos da entidade, muito “preocupada com a formação de jogadores”, é que “não possam ser transferidos” de um clube a outro “menores de 18 anos”.

Platini fez estas declarações na sede do Athletic Bilbao, durante sua visita à localidade espanhola por causa do jogo da Liga Europa entre o clube local e o Nacional da Madeira.

O presidente da Uefa antecipou que um dos objetivos da entidade é evitar que haja transferências entre clubes de jogadores com menos de 18 anos. Mas admitiu que essa pretensão bate contra a “lei europeia sobre a livre circulação de trabalhadores”, e antecipou que espera fazer a União Europeia ver que “se é trabalhador a partir dos 18 anos”.

A Uefa também gostaria de conseguir que os jogadores tenham que “assinar seu primeiro contrato com o clube que o formou”, algo que Platini reconheceu ser complicado, porque não tem competência jurídica para isso.

Platini é contra transferência de jogadores com menos de 18 anos

Sem mais artigos