A Polícia Civil já prendeu pelo menos 17 pessoas na última etapa da Operação Têmis, que tem como objetivo desarticular milícias que atuam na Zona Oeste, no subúrbio do Rio e na Baixada Fluminense. A ação começou durante a madrugada desta terça-feira e 360 policiais de 86 delegacias distritais e especializadas participam das buscas.

De acordo a polícia, entre os presos está o cabo da Polícia Militar Ivo Matos da Costa Júnior, o Tomatinho. Um ex-fuzileiro naval, também foi detido em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio. Documentos e computadores que seriam usados pelos milicianos já foram apreendidos.

Além dos presos, a polícia também pretende cumprir 34 mandados de buscas e apreensão. Vale lembrar, que a Operação Têmis teve início em 9 de maio, com a prisão do ex-PM Ricardo da Cruz Teixeira, o Batman.

Sem mais artigos