O político democrata Mike Davis, parlamentar do estado americano da Califórnia, defendeu o início de um estudo de viabilidade para transformar o rancho Neverland, de Michael Jackson, em um parque estadual, informou hoje o diário Los Angeles Times.

Davis vai levar a proposta ao Legislativo do estado em agosto, quando termina seu recesso.

“Michael Jackson foi um dos artistas mais privilegiados do mundo e a Califórnia tem a sorte de contar com esse lugar em sua jurisdição”, explicou Davis, presidente do comitê de Artes, Entretenimento, Esporte, Turismo e Internet do Legislativo californiano.

“Será um destino para muitos que admiram a música”, acrescentou o político.

A proposta não foi bem recebida pelo Departamento de Parques da Califórnia, que apontou a precária situação dos cofres públicos estaduais como razão para não comprar Neverland.

“Estivemos lutando com nosso orçamento e trabalhando muito duro para manter abertos os parques existentes. Não estamos buscando aquisições neste momento”, declarou Ronilee Clark, chefe da divisão sul do departamento.

Doreen Farr, supervisora do condado de Santa Bárbara, onde fica Neverland, se mostrou cética sobre a compra do rancho e lembrou que a mansão do magnata William Randolph Hearst, que está aberta ao público e fica em San Simeon, ao norte do condado, foi doada pela família à Califórnia na década de 50.

Michael Jackson comprou o rancho Neverland em 1987. O rei do pop dotou a propriedade de um jardim zoológico, um cinema e um parque de diversões infantil, embora os escândalos envolvendo supostos abusos de menores fizeram com que as visitas de crianças diminuíssem.

Acossado por dívidas, Michael se viu obrigado a vender parte da propriedade a uma filial da empresa de investimentos imobiliários Colony Capital, que assumiu a hipoteca de US$ 24,5 milhões.

Após a morte do artista, houve a ideia de transformar Neverland em um mausoléu dedicado a Michael no estilo de Graceland, residência de Elvis Presley, mas a sugestão foi descartada em parte por problemas logísticos.

Michael Jackson foi enterrado no cemitério Forest Lawn de Glendale, em Los Angeles, onde milhares de admiradores se reuniram em 25 de junho para comemorar o primeiro aniversário da morte do rei do pop.

Político da Califórnia quer transformar Neverland em parque

Sem mais artigos