O popularidade de Barack Obama, presidente dos Estados Unidos, está em baixa. Próximo de completar 200 dias de governo, Obama registrou 50% de aprovação, o nível mais baixo desde que ele chegou à Casa Branca. Os números foram divulgados pelo instituto Quinnipac nesta quinta-feira (6). Na última edição da pesquisa, realizada em julho, o presidente registrou 57% de aprovação.

Entre os americanos consultados, 50% disseram aprovar a gestão de Obama, contra 42% que a desaprovavam. Os números refletem os desafios que Obama tem enfrentado desde que assumiu a Casa Branca. Entre outras coisas, o primeiro presidente negro da história dos Estados Unidos tem encontrado dificuldades para superar a crise economica e a reforma do sistema de saúde.

De acordo com o levantamento, a política econômica de Obama foi desaprovada por 49% dos consultados, contra 45% que a aprovam. Seu projeto de reforma do sistema de saúde é rechaçado por 52% dos entrevistados, contra 39% que o aprovam.

Por outro lado, Obama foi bem avaliado quando o assunto é política externa – 52% das pessoas consultadas aprovam sua política exterior, contra somente 38% que a desaprovam.

O Quinnipac realizou a pesquisa entre os dias 27 de julho e 3 de agosto, e entrevistou 2.409 americanos adultos. A margem de erro é de 2%.

Sem mais artigos