Em meio a crise institucional que enfrenta o Senado, a assessoria de imprensa da Presidência da Casa deve colocar no ar ainda nesta segunda-feira (17), no portal do Senado, um canal para a defesa do presidente José Sarney (PMDB-AP).

A ideia é publicar todas as notas, discursos e ações feitas por Sarney desde sua posse como presidente do Senado pela terceira vez. A assessoria explicou que será criado um “espaço institucional” para publicações das ações da presidência do Senado destinadas à imprensa e também à população.

No novo “canal” virtual, serão publicados também os discursos do presidente do Senado, ofícios enviados ao Tribunal de Contas da União e ao Ministério Público.

Conforme a assessoria, será um “espaço de esclarecimento”. A presidência da Casa explicou que, até o momento, o procedimento, ao identificar matérias jornalísticas com “erro” de informação, tem sido mandar cartas e notas aos veículos. Mas foi constatado que esse mecanismo não tem surtido o efeito.

A presidência explicou que a decisão de criar o canal não foi tomada pelo novo Secretário de Comunicação (Secom) Fernando Mesquita, mas, sim, pelo próprio presidente. E acrescentou que Secretaria de Imprensa da Presidência do Senado não tem relação com a Secom. Os dois órgãos são independentes.

Sem mais artigos