A Receita Federal promete que vai investigar fraudes em deduções do Imposto de Renda (IR) praticadas pela classe média. Em Brasília, uma operação realizada pela área de inteligência do fisco começou a apresentar os primeiros relatórios. As autuações são de cerca de R$ 150 mil por contribuinte, mas há casos superiores a R$ 400 mil. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

A investigação já foi estendida a vários Estados, embora ainda esteja em fase inicial. Apenas no Distrito Federal foram multadas aproximadamente 700 pessoas. A maioria dos autuados na capital do país é de servidores públicos, incluindo funcionários do Poder Executivo, do Congresso, do governo do Distrito Federal, da Polícia Civil e membros das Forças Armadas.

As infrações variam de acordo com a quantia sonegada (sobre as quais são aplicadas multa e juros). A Receita investiga as declarações enviadas entre 2004 e 2008.

Receita mira fraudes em Imposto de Renda da classe média

Sem mais artigos
Sair da versão mobile