O governo da Filadélfia esmigalhou nessa segunda-feira cerca de 7 mil relógios Rolex falsificados. As cópias foram esmagadas com um rolo compressor no centro da cidade.

Oficiais da Imigração e Alfândega apreenderam o material com Binh Cam Tran, que foi condenado a pagar cerca de US$ 2,2 milhões em indenização à Rolex, além de ficar seis anos na cadeia. Na casa de Tran foram apreendidos cerca de 24 mil relógios falsificados e peças para a fabricação de pelo menos mais 1 milhão.

A destruição de relógio foi marcada para coincidir com o Dia Internacional de Propriedade Intelectual. Será que no dia Internacional de Combate à Corrupção a polícia do Brasil vai prender sete mil políticos pilantras?

Veja abaixo uma matéria do canal MyFoxPhiladelphia que mostra os relógios sendo estraçalhados.

Sem mais artigos