Se para alguns a Copa do Mundo de 2010 começou nesta sexta-feira (4), com o sorteio de grupos realizado na Cidade do Cabo, na África do Sul, pode-se dizer que o Brasil começou a competição com boas e más notícias. Escapamos de um suposto grupo da morte,  mas estamos em uma chave que, apesar de não estar entre as mais fortes do torneio, deixará os brasileiros com a incômoda situação de parecer jogar ‘fora de casa’.

Cabeça-de-chave junto com África do Sul (anfitriã), Espanha, Itália, Alemanha, Holanda, Argentina e Inglaterra – equipes pertencentes ao pote 1 do sorteio-, os comandados de Dunga caíram no Grupo G, (que terá dois jogos em Johannesburgo e um em Durban) e disputarão vaga na fase final contra Coreia do Norte, Costa do Marfim e, como muitos temiam, Portugal.

A chave que mais se aproxima de um “grupo da morte” ficou por conta do Grupo A: sul-africanos, donos da casa, somados a México, Uruguai e França (que podia acabar caindo no Grupo do Brasil por ter sido preterida pela Holanda na escolha das seleções cabeças-de-chave). Mesma situação de Portugal, que caiu no grupo brasileiro, tornando-o mais difícil do que os sorteados nas últimas edições da Copa para a equipe canarinho.

Confira os grupos a Copa do Mundo de 2010:

Grupo A – África do Sul, México, Uruguai e França
Grupo B – Argentina, Nigéria, Coréia do Sul e Grécia
Grupo C – Inglaterra, EUA, Argélia e Eslovênia
Grupo D – Alemanha, Austrália, Sérvia e Gana
Grupo E – Holanda, Dinamarca, Japão e Camarões
Grupo F – Itália, Paraguai, Nova Zelândia e Eslováquia
Grupo G – Brasil, Coréia do Norte, Costa do Marfim e Portugal
Grupo H – Espanha, Suíça, Honduras e Chile

Sem mais artigos