O workaholic Dave Grohl deve estar influenciando seus companheiros de Them Crooked Vultures a trabalharem sem parar. Em recente entrevista ao jornal inglês The Sun, os três membros da banda mostram que já estão fazendo planos para um segundo disco.

O disco homônimo de estreia da banda chegou às lojas no último dia 17 com status de competidor aos prêmios de melhor álbum do ano, após quatro meses de expectativa por parte de muitos fãs de rock, que ficaram extasiados ao ouvir as demos e teasers do grupo formado por Josh Homme, John Paul Jones e Dave Grohl.

“Sinto que estamos apenas esquentando. Por que vamos querer parar agora?”, comentou Homme na entrevista ao tabloide britânico. Sobre o assunto, o ex-baixista do Led Zeppelin concordou com o líder do Queens of The Stone Age e disse que a banda ainda tem a mostrar.

Grohl, ex-baterista do Nirvana e líder do Foo Fighters, foi além, prometendo um segundo disco ainda mais pesado e ácido do que o trabalho recém-lançado do trio anglo-americano – termo, aliás, que deve agradar a Homme mais do que “supergrupo”. “Não é que eu deteste esse termo, mas não concordo”, cravou. “Isso não significa nada para mim.”

Sem mais artigos