O ex-primeiro-ministro britânico Tony Blair e o ator Jet Li se uniram durante o último final de semana para promover uma usina de energia solar na província de Guizhou, no sudoeste da China. O projeto quer, nos próximos cinco anos, levar energia solar para mais de mil vilarejos na China, Índia e alguns países africanos.

“Não só essa tecnologia vai permitir resolver o problema de eletricidade em algumas partes da China, como vai ajudar a reduzir as emissões de gases de efeito estufa”, disse Jet Li no site da The One Foundation, uma ONG de ajuda humanitária fundada por ele. Outra organização internacional, a The Climate Group, também participa do projeto. A organização atua no combate às mudanças climáticas e tem Tony Blair como um de seus representantes.

Sem mais artigos