O serviço de microblogging Twitter foi hackeado na madrugada desta sexta-feira, 18 de dezembro.

O site www.twitter.com ficou alguns segundos fora do ar pouco antes das 4h, quando às 4h em ponto aparece a mensagem do autointitulado “Iranian Cyber Army” (Cyber Exército Iraniano) seguido de um endereço de Gmail que levava para uma mensagem com o assunto: Mowjcamp.

“Este site foi hackeado pelo cyber exército iraniano. Os Estados Unidos pensam que controlam e administram o acesso a internet mas não. Nós controlamos e administramos a internet pelo nosso poder, então não estimule o povo iraniano a………. Agora qual país na lista de embargo? Irã? Estados Unidos? Nós os colocamos na lista de embargo! ;) Cuidem-se”

Logo depois o site voltou a sair do ar e só voltou ao normal às 5:02. Nem mesmo o endereço status.twitter.com, que é hospedado em um Tumblr e informa as condições da ferramenta, permaneceu no ar. A mesma mensagem também está no site reformista www.mowjcamp.org

Em seu blog oficial, o Twitter publicou que “os registros DNS (Domain Name System/Sistema de Nomes de Domínios, mecanismo que traduz o nome dos sites nos números que identificam as páginas) ficaram temporariamente comprometidos esta noite mas agora foram consertados”.

O Twitter foi fortemente usado por parte da população do Irã como alternativa de comunicação após o bloqueio do governo iraniano ao acesso a vários sites com conteúdo usado pelos eleitores da oposição. A tag #iranelection ficou semanas entre os assuntos mais comentados do serviço de microblogging.

Veja as imagens do defacement abaixo e ao lado. Defacement ou deface (desfiguração)
é um tipo de hacking que consiste em explorar vulnerabilidades em um
site e modificar a sua página inicial, seja por motivos políticos ou
por brincadeira.

Sem mais artigos