Os desdobramentos e as críticas sobre o péssimo desempenho da Argentina nas eliminatórias da Copa do Mundo de 2010 estão a todo vapor e, no que depender do volante Verón, titular da equipe comandada por Maradona, elas não recair sobre os jogadores.

Em entrevista à rádio argentina La Red, o experiente jogador saiu em defesa do atacante Lionel Messi, craque da seleção muito criticado pela imprensa local após os jogos contra Brasil e Paraguai.

“Messi não resolverá tudo sozinho. No Barcelona, ele joga de uma forma diferente, é um jogo mais rápido”, disse “La Brujita”, defendendo o companheiro.

Para explicar o seu ponto de vista, Verón criticou justamente quem lhe proporcionou o regresso ao time da Argentina, o técnico Diego Armando Maradona. Segundo o atleta, “existem grandes jogadores no elenco, contudo, eles não rendem porque Dieguito não consegue encontrar uma equipe”.

Sem mais artigos