O diretor Michael Mann (<i>Ali</i>) vai transformar a vida do renomado fotógrafo de guerra Robert Capa em filme. A Columbia Pictures informou que comprou os direitos do romance <i>Esperando Robert Capa</i>, da escritora espanhola Susana Fortes. Ainda sem título, o filme deve centrar a narrativa no romance que o húngaro manteve por dois anos com a também fotógrafa Gerda Taro, durante a Guerra Civil Espanhola.

A história, que será adaptada pelo roteirista Jez Butterworth (<i>A Isca Perfeita</i>), começa a ser contada no ano de 1935 em Paris, onde Capa – refugiado da Hungria fascista – conhece Taro, uma judia refugiada da Alemanha nazista. No ano seguinte, com a eclosão da Guerra Civil Espanhola, Capa e Taro partiram para registrar o episódio histórico, que tornou o trabalho de ambos conhecido pelo mundo afora.

Em janeiro de 2008, cerca de 4000 fotos e negativos de Capa e Taro foram encontrados no México. As imagens foram achadas em uma valise pelos herdeiros do general mexicano Francisco Javier Aguilar González e encaminhadas para o Centro Internacional de Fotografia de Nova York, fundado por Cornell Capa, irmão do fotógrafo. No ano que vem, a cidade deve promover a primeira exibição com essas fotos, que ainda são inéditas.

Vida do fotógrafo Robert Capa vai virar filme

Sem mais artigos