No comando do Ericsson 4, o brasileiro Torben Grael não escondeu a alegria pela recepção que seu barco recebeu na chegada ao Rio de Janeiro, na noite de quinta-feira (dia 26), completando, em segundo lugar, as 12.300 milhas náuticas da quinta etapa da Volvo Ocean Race. Apesar da colocação, o veleiro se mantém na liderança da competição.


 


Ao se aproximar do píer da Marina da Glória, o barco exibiu duas bandeiras: uma grande do Brasil e outra amarela, representando a liderança geral da Volvo. E foi muito aplaudido pelo público que aguardava especialmente os brasileiros – além de Torben, João Signorini e Horácio Carabelli. No píer, a música “Enter Sandman”, da banda Metallica, embalou a tripulação do Ericsson 4 na recepção realizada por familiares, amigos e companheiros de equipe.


 


“Agradeço à tripulação pelo excelente desempenho na etapa. O mais importante após esses mais de 40 dias de viagem é chegar ao seu país e encontrar uma recepção assim. É um orgulho ser brasileiro”, agradeceu Torben.


 


Na cerimônia de premiação, Torben recebeu o troféu de Nelson Falcão, seu companheiro na conquista da medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Seul, em 1988. O Ericsson 4 cruzou a linha de chegada às 19h37 de Brasília, segundo a organização.


 


O Ericsson 3 foi o primeiro a aportar na Marina da Glória. O terceiro colocado é o americano Puma. Dia 4 de abril a flotilha participa da In Port Race, regata interna. E dia 11 zarpa rumo a Boston, nos Estados Unidos, parada da sexta perna da volta ao mundo de vela. O percurso será de 4.900 milhas náuticas (9.074 quilômetros).

Sem mais artigos