O zagueiro brasileiro Lúcio acredita que a Inter de Milão, atual campeão da Liga dos Campeões e do Campeoanto e Copa da Itália, está para igualar o recorde estabelecido pelo Barcelona de Josep Guardiola que ganhou seis títulos em uma temporada.

Em entrevista publicada hoje pelo jornal italiano “Corriere dello Sport”, o zagueiro da Inter fala também de seu novo técnico, o espanhol Rafael Benítez, e de alguns dos jogadores brasileiros que jogam em clubes da Itália.

Segundo ele, a Inter pode igualar o recorde do Barcelona porque têm grandes qualidades. “É preciso ter cuidado, no entanto, porque os títulos não são ganhos lembrando os triunfos do ano anterior. Se pensarmos assim, estamos no caminho errado e a derrota está assegurada. O passado não é um sofá no qual se pode sentar, mas uma rampa de lançamento para chegar mais alto”, afirma Lúcio.

“A temporada passada foi uma temporada perfeita, na qual ganhamos tudo trabalhando juntos. Cada um deu 100% e acho que isto foi fundamental para construir uma equipe vencedora e para derrotar rivais como Chelsea, Barcelona e Bayern de Munique”, acrescenta.

O brasileiro assegura que ele também tem que continuar trabalhando e jogando bem para poder ter uma nova oportunidade na seleção brasileira, algo que espera e deseja, e expressa seu respeito e o de seus companheiros de equipe com Benítez.

“É um técnico que ganhou muito e que tem qualidade. Nós o respeitamos muito e estou convencido que ajudará a equipe a conseguir novas vitórias”, aponta.

Lúcio não quer que seu compatriota e companheiro de equipe, o lateral direito Maicon, deixe a Inter, algo que alguns jornais da Itália já deram por certo, pois asseguram que o clube chegou a um acordo com o Real Madrid.

“Maicon é o melhor lateral direito do mundo junto com Daniel Alves e na última temporada foi fundamental. Para a Inter é melhor que não vá. E depois é um amigo que me ajudou bastante a me integrar em Milão”, comenta o brasileiro.

Lúcio acredita que Inter pode igualar recorde de títulos do Barcelona

Sem mais artigos
Sair da versão mobile