Que a venda de CDs nessas últimas décadas decaiu demais, todo mundo sabe. Com o advento da banda larga e a facilidade de baixar e fazer download de músicas pela Internet, a indústria musical tinha que tomar alguma providência. E uma grande major foi a primeira a dar o passo: anunciou que vai diminuir o preço de seus CDs.

Segundo o site da revista Billboard, a Universal Music Group revelou um plano para reduzir o custo de seus discos e, assim, diminuir o preço de venda a US$ 10. No novo plano, a venda de CDs terá uma margem de lucro de 25%. Dessa forma, a Universal espera que o aumento de vendas ajude a revigorar suas receitas.

O fato representa uma mudança revolucionária e abre precedentes para outras gravadoras trabalharem desta forma. Ainda não foi informado se o mesmo vale para os lançamentos da versão brasileira da Universal, mas se espera que a mudança seja internacional.

Uma coisa é certa: as grandes gravadoras demoraram demais para adotar essa atitude. Se o preço dos discos fosse razoável desde a revolução do MP3, o mercado não estaria desse jeito…

Sem mais artigos