Ela queria porque queria encontrar um marido. Desesperada e sem opções, Audrey Scott, de Ohio, ligou para o 911, o telefone do serviço de emergência nos Estados Unidos, e ordenou: “Mê dê um marido!”.

Irritada com a tal “emergência de Audrey”, que ligou cinco vezes em um hora com o mesmo pedido, a atendente Klimes Christi decidiu tomar uma atitude radical. “Você sabia que pode ser presa por discar para 911 sem motivos?”, perguntou Klimes, segundo informações do canal NBC 4 News.

Em seguida, a solteirona respondeu: “Vamos fazer isso então”. Obviamente, Audrey foi detida em seguida.

Após passar por um castigo de três dias na cadeira, Audrey admitiu que estava embriagada e “sentindo o peso da solidão”.

Há 21 anos trabalhando como atendente do 911, Klimes disse que nunca tinha visto algo parecido.

Alguém aí quer ser o maridão de Audrey?

Veja a reportagem do canal NBC 4 News sobre o caso:

Mulher liga para a polícia para pedir marido

Sem mais artigos