A líder e única remanescente do Pussycat Dolls, Nicole Scherzinger, revelou detalhe ao apresentador americano Ryan Seacrest sobre a saída das outras integrantes e os boatos de brigas entre as meninas do grupo.

“Algumas garotas saíram para procurar seus próprios projetos”, disse Nicole. “Uma das meninas de quem eu era próxima fez algo muito desagradável”, contou a cantora, sem nomear qual delas.

A popstar contou também que está trabalhando no novo álbum do Pussycat Dolls, que pode sair em maio. “No momento, eu estou feliz fazendo muitas músicas… E tudo está no meu nome”, acrescentou.

Assista um trecho da entrevista no vídeo abaixo (em inglês):

 

Sem mais artigos