O que Felipe Dylon, Xuxa, Lost, Turma da Mônica e Eliéser têm em comum? Todos viraram alvos de piadas na internet. Depois do “fulano with lasers” e do “Fuck Yeah Sicrano!”, a mais nova modinha virtual (sim, esse termo é horrível) é o “Porra alguma coisa!”.

Made in Brasil, a brincadeira consiste em criar no Tumblr -um sistema de blogs minimalista, que tem como foco a imagem e textos curtos – uma compilação de fotos de alguém com alguma legenda “revoltada” abaixo delas. O pioneiro do gênero é o Porra, Felipe!, que nasceu há dois meses com o objetivo de espinafrar o look reggae do cantor Felipe Dylon.

“Ao me deparar com as fotos do Felipe Dylon, tão puro e surfista antigamente, agora perdido em um mundo de dreadlocks e raggamuffin, senti que o Brasil exclamava: ‘porra, Felipe!’. Só canalizei essa exclamação. Escolhi o Tumblr porque fotolog é muito cafona”, diz o autor do blog, o universitário Pedro Leite, de 27 anos.

Com um olho clínico e gosto apurado pela trasheira pop, Leite selecionou uma foto de Dylon pior que a outra – sempre com a legenda “porra, Felipe!”. Desde então surgiram inúmeros sites com temáticas semelhantes. Do povo do Big Brother Brasil, Eliéser e Michel já garantiram o seu. O prefeito Gilberto Kassab e a atriz Susana Vieira também. A série Lost, coitada, ganhou vários. Um sobre ela e outro sobre o personagem Jack. Nem o produtor/criador Damon Lindelof escapou.

“Ah, sou o pai sim. Afinal de contas, fui o primeiro. Meu sonho era memetizar o Brasil com algo mais interessante que o Felipe Dylon, mas não estou aqui pra reclamar, né?”, brinca Leite, sobre seu “pioneirismo” na área. O seu Porra, Felipe!, aliás, é um dos poucos que está grafado gramaticalmente correto, com uma vírgula isolando o sujeito do vocativo. “A minha professora de português da sexta série, que sempre me reprimia e não confiava na minha capacidade ortográfica, deve estar mortalmente arrependida”, ri.

Os autores desse tipo de conteúdo sabem que a brincadeira tem um curto prazo de validade. “Tem, como uma borboleta. Uma linda, colorida e analfabeta borboleta”, “filosofa” Leite. Para Matheus Marques, do Porra Elieser!, a modinha realmente não vai durar muito, mas ajudará a popularizar o Tumblr. “É um serviço muito bom. É muito prático, principalmente quando você utiliza feeds”, comenta ele, que não acredita que a eliminação recente do muso inspirador no reailty show seja o fim de seu site.

“A eliminação dessa semana deve trazer inúmeros momentos merecedores de um “porra!’ , com certeza. E vai abrir caminho para diversas participações do Eliéser em programas como o da Sônia Abraão e o da Luciana Gimenez, todas dignas de vários posts também”, ri. “O Eliéser é essa pessoa mágica, que não consegue ficar cinco minutos no ar sem que a gente tenha vontade de gritar um sonoro ‘POOOOORRA, ELIÉÉÉÉSEEEER!’ no ouvido dele”.

E você, lembra de mais algum tumblr?

Sem mais artigos