A polícia de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, afirmou hoje que a morte de uma professora britânica em setembro passado, depois de descobrir fotos suas nua na página de relacionamento Facebook, foi mesmo suicídio.

Natural do País de Gales, Emma Jones, de 24 anos, morreu ao ingerir produtos de limpeza. No começo, havia suspeita de assassinato, já foi encontrada uma mala com roupas da professora e seu o passaporte estava em seu bolso, o que indicava que ela estava se preparando para deixar o país.

De acordo com site Gulf News, ela estava apavorada com a possibilidade de ser presa no país mulçumano. Segundo familiares, ela teria sido acusada de prostituição na escola onde trabalhava. O diretor da escola disse que não sabia da existência das fotos e o namorado, suspeito de publicar as imagens, nega a acusação.

Sem mais artigos