O Real Madrid não desistiu de contratar o
meia francês Franck Ribéry e está disposto a pagar até 50 milhões de
euros para tirar o jogador do Bayern de Munique, informa hoje o site
alemão “Europolitan”.

Ribéry, que tem contrato com o Bayern até o dia 30 de junho de
2011, discute atualmente com os dirigentes do clube bávaro a
possibilidade de estender o fim do prazo, mas caso não chegue a um
acordo poderá se juntar ao brasileiro Kaká e ao português Cristiano
Ronaldo no Real.

Os rumores sobre uma transferência de Ribéry, alvo de
especulações por várias semanas durante o meio do ano, voltaram a
crescer em dezembro, após a imprensa britânica divulgar que o
Chelsea teria oferecido 50 milhões de euros pelo francês.

Enquanto o meia é o centro das atenções do mercado de jogadores
na Europa, um de seus companheiros de Bayern, o atacante Luca Toni,
poderá deixar a equipe sem grande alarde.

O italiano tem ficado no banco de reservas e às vezes nem mesmo é
relacionado para as partidas pelo técnico Louis Van Gaal, com quem
discutiu recentemente. Seu destino deverá ser a Roma, onde conta com
o apoio público do capitão Francesco Totti.

Sem mais artigos