O vice-presidente do Milan, Adriano Galliani, classificou como “irrealizável” a contratação do atacante sueco Zlatan Ibrahimovic, cujos direitos federativos pertencem ao Barcelona, devido ao alto salário do jogador.

Em declarações publicadas nesta segunda-feira pelo jornal italiano “La Gazzetta dello Sport”, Galliani disse ainda que o jogador que mais lhe agradou até agora entre os que disputam a Copa do Mundo foi o meia alemão Bastian Schweinsteiger, do Bayern de Munique.

“A operação Ibrahimovic é irrealizável. Ele recebe um valor que não podemos nos permitir pagar. Além disso, ele nos custaria 1,7 ou 1,8 vez mais do que ao Barcelona. Já disse mil vezes que o sistema fiscal espanhol é mais ameno”, afirmou.

“O Barcelona paga 350 milhões de euros em salários e fatura 440 milhões, exatamente o dobro do que nós”, acrescentou.

Galliani negou ainda uma troca com a Juventus, que cederia o brasileiro Felipe Melo e receberia o holandês Klaas-Jan Huntelaar.

“Huntelaar fica no Milan. Ouvi falar de uma troca com Felipe Melo e tive que me apressar em desmentí-la”, disse o braço direito do presidente do clube milanês, Silvio Berlusconi.

Sem mais artigos