Um viúvo fez um apelo desesperado para que o assassino devolva a cabeça de sua esposa. Há mais de um mês, em um crime misterioso e ainda não desvendado pela polícia alemã, uma mulher foi encontrada decapitada no próprio quarto.

“Quero a cabeça de volta para que ela possa descansar em paz”, argumenta o viúvo, de 40 anos, que não teve o nome publicado na reportagem do tabloide alemão Bild.

O crime aconteceu dia 2 de fevereiro na pequena cidade de Kerpen, no oeste da Alemanha. A mulher foi encontrada por volta das 13h15 pela filha mais velha do casal, de 17 anos, que alertou seu pai no trabalho.

O assassino não levou nenhuma jóia, objetos de valor ou dinheiro. Não há testemunhas e nem pistas do criminoso.

Viúvo (à direita) ainda espera encontrar a cabeça de sua mulher (à esquerda) para enterrá-la com dignidade (Foto: Reprodução/Bild)

“Eu não sei como explicar esse crime para os meus filhos. Eles estão com medo e choram muito. Tento confortá-los, mas isso nem sempre funciona”, lamenta o viúvo, pai de quatro filhos.

O corpo da mulher de 37 anos já foi liberado pela polícia científica e já pode ser enterrado. “Como posso enterrá-la com dignidade? Como a minha amada esposa vai descansar em paz sem a cabeça?”

Sem mais artigos