O golfista americano Tiger Woods afirmou hoje que está “profundamente entristecido” por sua “irresponsabilidade e comportamento egoísta” e acrescentou que voltará a jogar golfe, mas que ainda não sabe quando isso vai acontecer.


 


Diante de um seleto grupo de amigos e familiares, Woods leu uma declaração na qual reiterou que lamentava profundamente ter decepcionado tanta gente.


 


Nos 15 minutos de sua fala, o golfista pediu expressamente aos veículos de imprensa para que não perseguissem seus filhos e sua esposa ao defender que ele é o único responsável por seus atos.


 


Woods acrescentou que Elin Nordegren, sua esposa, “só merece elogios. Eu sou o único culpado”, ressaltou, emocionado, para confessar em seguida que foi “infiel”. “O que fiz foi inaceitável e eu sou a única pessoa que pode ser culpada”, insistiu.


 


Esta é a primeira vez em que Woods dá declarações publicamente desde dezembro passado, quando reconheceu em seu site seus atos de infidelidade, pediu perdão e anunciou que abandonaria as competições indefinidamente.


 


O jogador anunciou que voltará aos campos de golfe, mas disse que ainda não sabe quando porque vai continuar com o tratamento que começou há um mês e meio.


 


O golfista também pediu desculpas aos pais que mostraram Tiger Woods a seus filhos como um modelo e um exemplo a ser seguido. “Peço perdão, lamento meu comportamento irresponsável”, reiterou o jogador, ao acrescentar que seguirá com o tratamento para olhar para seu interior “e em sua vida espiritual”.


 


Segundo Woods, as coisas mais importantes de sua vida são seu casamento e seus filhos, e afirmou que a imprensa deve entender que seus assuntos pessoais correspondem somente a ele e a sua esposa.


 


“Peço às pessoas que confiaram em mim para que abram um espaço em seu coração para acreditar novamente em mim”, disse.


 


Ao terminar de ler a declaração, sem aceitar perguntas, Woods abraçou sua mãe e cumprimentou os amigos que ocupavam a primeira fila da seleta audiência que assistiu ao ato no clube de golfe do TPC Sawgrass Clubhouse, em Ponte Vedra (Estados Unidos).

Sem mais artigos