Uma britânica que passeava com suas duas cadelas, numa trilha na cidade de Málaga, na Espanha, foi atacada por uma águia que levou um dos animais e tentou o arrastar para uma pedreira.

 

O repentino ataque da ave, que aconteceu na tarde de sábado (21) em Benalmádena, obrigou a mulher, identificada como Suzanne Dodd, de 43 anos, a fugir do local após resgatar a cadela.

Suzanne explicou nesta terça-feira à “Agência Efe” que a águia tinha uma corrente e “não parecia temer as pessoas”. A ave prendeu uma de suas cadelas, da raça Jack Russell Terrier, e começou a arrastá-la pela cabeça.

Após o ataque, Suzanne se prendeu aos dois cães para fugir rapidamente do lugar, mas enquanto descia correndo uma colina, a águia atacou por mais vinte vezes, até que a mulher conseguiu afugentar o animal.

Suzanne denunciou o ocorrido na polícia para evitar fatos semelhantes em locais públicos, já que o ataque ocorreu num roteiro de montanhismo.

Sem mais artigos