Uma adolescente está sob investigação após distribuir cupcakes que teriam sido recheados com sêmen a garotos que a humilhavam. Um estudante contactou uma emissora de TV local e disse que a menina tinha colocado pêlos pubianos, sêmen, pílulas e ingredientes vencidos na massa.

Quando alguns estudantes perguntaram a ela por que os bolos estavam com gosto tão ruim, ela disse que eles tinham sido feitos com fluidos corporais. Mas o policial que está investigando o incidente disse que não era nada mais do que uma “brincadeira do ensino médio” e não confirmou se realmente havia sêmen nos cupcakes.

Autoridades disseram que as declarações de testemunhas e suspeitos indicam que não havia fluidos corporais ou substâncias venenosas ​​nos bolos. A maioria dos alunos achou o bolo tão ruim que cuspiu imediatamente; porém o único menino que comeu um dos cupcakes passou o dia seguinte em casa com problemas intestinais.

Os bolinhos já foram destruídos e nenhuma prisão foi feita.

Aluna é acusada de rechear cupcakes com sêmen para se vingar de valentões

Sem mais artigos