Quando alguns policiais foram chamados por causa de um carro estacionado dentro de uma propriedade privada, eles não faziam ideia de que esse era só o começo de uma história bizarra…

As autoridades foram contactadas, e policiais tentaram encontrar o proprietário do carro, mas não conseguiram. No entanto, três horas depois, receberam outra ligação de que o proprietário – proprietária, na verdade – tinha voltado, e estava deitada com o rosto no chão na grama.

Ao voltarem, encontraram a mulher, Jennifer Risch, sentada no banco do motorista de seu carro. Quando tentaram falar com ela, ela ligou o carro e saiu. “Risch estava dirigindo sem cuidado algum com os pedestres, dirigindo perto da calçada, passando por cima da linha dupla amarela e de frente para outros carros,” declararam os policiais.

Após ser perseguida por 4 quilômetros, Jennifer bateu o carro num poste e atravessou uma cerca. Nisso, saiu do carro e… começou a fazer poses de ioga. Os policiais chamaram uma ambulância antes de se aproximar.

A motorista foi levada para o hospital, e depois, presa.

Veja também: Mulher que achou que estava com pedra nos rins dá luz a trigêmeos

Mulher que achou que estava com pedra nos rins dá luz a trigêmeos

Dannette Glitz foi ao hospital achando que estava com cólicas renais, mas na verdade descobriu que estava em trabalho de parto!
No mesmo dia, Dannette deu à luz Blaze, Gypsy, e Nikki, pesando 2 quilos cada.
Ronnie, o mais velho de agora cinco filhos, disse que pediu um irmão e uma irmã a uma estrela cadente, e teve seu pedido atendido
Amigos do casal criaram uma página para doações para a família, e em uma semana já arrecadaram mais de 1,6 mil dólares.

Após perseguição policial, mulher bate carro, faz ioga logo em seguida

Sem mais artigos