Depois de ter sido presa em abril deste ano por estuprar um garoto de 12 anos de idade, Melanie Maya Freeman, 19, foi parar na cadeia novamente, mas o motivo agora é outro. 

A jovem, que mora na cidade de Las Cruces, no estado do Novo México (Estados Unidos), foi acusada de agressão agravada com arma de fogo letal, intimidação de testemunha e também por resistir à ação do oficial da polícia. Sua fiança foi estabelecida em 20 mil dólares (aproximadamente R$30 mil).

Segundo os policiais, Melanie surtou e começou a discutir com sua irmã e jogar objetos nela. Durante a discussão, a jovem ficou com muita raiva e passou a ameaçar a irmã com uma pistola. Então Melanie deixou a casa de moto com seu namorado, um homem de 38 anos cujo nome não foi divulgado.

Os policiais localizaram onde Melanie estava escondida e foram prendê-la. Ela resistiu e chegou até a dar joelhadas nos oficiais de Las Cruces, que não ficaram gravemente feridos. O homem de 38 anos não foi acusado neste incidente.

Após ser presa por estuprar menor, mulher vai pra cadeia por ameaçar irmã com uma arma

Sem mais artigos