Cerca de 600 mil fiéis hindus participaram da cerimônia de banho sagrado nesta terça-feira (14), na ilha de Ganga Sagar, na foz do rio Ganges, no nordeste da Índia, para celebrar a festividade de “Makar Sankranti”, informou a imprensa local.

Os peregrinos começaram a entrar no rio nesta madrugada a partir da “Shahi snan” (“Hora real”), que foi fixada às 3h15 locais (19h45 de segunda-feira) e, ao longo do dia, tomaram o banho que os fiéis consideram como bom auspício.

Após o mergulho sagrado, os devotos se dirigiram ao templo de Kapil Muni para orar e levar oferendas.

O ministro de Desenvolvimento de Bengala, Manturam Pakhira, afirmou à agência de notícias indiana “Ians” que “os peregrinos vêm de várias estados do país e há, inclusive, um grande número de estrangeiros”.

Para garantir a segurança dos participantes, 6 mil policiais fazem a segurança do local, sobretudo para controlar as grandes aglomerações e evitar que ocorram correrias e que pessoas sejam pisoteadas.

“Makar Sankranti” é uma das festividades mais importantes do calendário hindu e é celebrada com a mesma intensidade em outras regiões da Índia como nos estados de Andhra Pradesh e Orissa, no leste do país, e em Uttar Pradesh, no norte.

Neste último, na cidade de Allahabad, milhares de pessoas mergulharam em um dos locais mais sagrados para os hindus: a confluência dos rios Ganges, Yamuna e Saraswati.

Sem mais artigos