O príncipe Charles, herdeiro ao trono britânico, e sua esposa Camilla participaram nesta quarta-feira (08), pela primeira vez, da solene abertura do Parlamento, onde a rainha Elizabeth II lê o programa do Governo para o próximo ano legislativo.

Esta é a primeira vez em 17 anos que o príncipe Charles participa deste importante evento e é também a primeira vez que o faz acompanhado por Camilla, duquesa da Cornualha, com a qual se casou em 2005.

Com toda a pompa que marca o protocolo, Charles, com uniforme militar, e Camilla, que usava um vestido branco e uma tiara, viajaram do Palácio de Buckingham até o Parlamento em uma carruagem puxada por dois cavalos, atrás da qual levava Elizabeth II e o duque de Edimburgo.

A presença de Camilla no Parlamento teria sido impensável anos atrás durante o escândalo que sacudiu a monarquia britânica, quando foi revelada a relação extra-conjugal do príncipe enquanto era casado com Diana, princesa de Gales.

O Palácio de Buckingham anunciou na terça-feira que o herdeiro representará a soberana, de 87 anos, na reunião que a Comunidade Britânica de Nações (Commonwealth), formada por 54 países, realizada em novembro próximo no Sri Lanka.

A residência da família real informou que são estudadas as viagens de longa distância que a Rainha pode fazer.

Segundo a imprensa britânica, devido à avançada idade de Elizabeth II, o príncipe Charles deve participar cada vez mais de compromissos oficiais. 

Sem mais artigos