O iFood divulgou alguns números do seu aplicativo de março até agosto, período em que o mundo foi afetado pela pandemia do coronavírus. Entre alguns dados, o que mais chamou a atenção foi de um cliente de São Paulo que fez 983 pedidos em seis meses.

É uma média de 5,3 pedidos por dia! Mas engana-se quem pensa que este foi o único cliente ‘louco’ por um iFood no período. Logo atrás dele, aparecem outros três ‘esfomeados’: Um carioca fez 879 pedidos, um outro paulista fez 817 e, por fim, um paranaense fez 797.

O iFood registrou no Brasil 30,6 milhões de pedidos em março deste ano, contra 44,6 milhões em agosto. Antes do coronavírus, foram contabilizados 26,6 milhões de solicitações em novembro de 2019.

Sem mais artigos