Você sabia que no dia 8 de julho é comemorado o Dia do Padeiro no Brasil? A data foi escolhida por se tratar do dia de Santa Isabel, padroeira dos panificadores, que tinha o hábito de distribuir pães e moedas aos pobres em Portugal sem o consentimento do rei. Isabel foi rainha de Portugal entre 1270 e 1325.

Segundo historiadores, o pão teria surgido há seis mil anos acompanhando o cultivo do trigo na região da Mesopotâmia, onde hoje fica o Iraque, no Oriente Médio. O uso do fermento, o grande segredo dos bons pães, começou no Egito antigo, por volta de 4.000 a.C.

O pão começou a ser industrializado somente no século XIX, quando surgem as primeiras máquinas hidráulicas e depois com os equipamentos elétricos. Foi também nessa época que o pão chegou ao Brasil, de acordo com Gilberto Freyre, antropólogo e sociólogo brasileiro.

Hoje, o pão é um alimento muito recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). A OMS recomenda o consumo de 50 kg de pão por ano, para cada pessoa! Haja pão…

Pensando nisso, o Virgula resolveu fazer uma homenagem aos padeiros, que nos “presenteiam” com aquele pão quentinho de manhã, com uma galeria de fotos de pães de todo o mundo, alguns bem diferentes dos pães que estamos acostumados a encontrar nas padarias.

Veja as fotos!

Sem mais artigos